CDR procura profissional com experiência em social media e produção de conteúdo

A Coalizão Direitos na Rede (CDR) lança edital para a contratação de profissional de comunicação em regime de dedicação parcial (25 horas semanais), para integrar equipe e atuar com produção de conteúdo, gestão de redes sociais e apoiar na realização de outras tarefas diárias da organização. O trabalho será 100% remoto. Confira abaixo o edital completo:

EDITAL EXTERNO 13/2021
Contratação de profissional de comunicação em regime de dedicação
parcial

Lançamento: 21/05/2021

A Coalizão Direitos na Rede (CDR) abre, por meio de edital, um processo de
seleção de profissional para a vaga de comunicação institucional da entidade, a
fim de cobrir processos de produção de conteúdo e relacionamento com o
público-alvo da CDR.

1) Objetivos:
– Executar tarefas da área da comunicação institucional da entidade;
– Planejar e executar estratégias de relacionamento nas redes sociais
oficiais da CDR;
– Planejar, organizar e executar o envio de boletins informativos;
– Preparar materiais, briefings, elaborar textos relacionados às ações da
CDR.


2) Atribuições específicas:
– Gestão de redes sociais (Instagram, Twitter, Facebook, Telegram,
LinkedIn, outras);
– Produção de conteúdo: matérias, roteiros, notas, entre outros (site e redes
sociais);
– Comunicação interna: boletim e newsletter;
– Apoio às tarefas de gestão e organização dos canais da CDR.


3) Perfil desejado:
– Formação e experiência de no mínimo 2 anos na área de comunicação
social (jornalismo, publicidade e proganda, marketing, relações públicas);
– Experiência prévia com comunicação em redes sociais;
– Capacidade de gestão de processos de comunicação;
– Noções em softwares de edição de imagem e vídeo;
– Experiência e facilidade com trabalho remoto;
– Conhecimento de mecanismos e ferramentas de acessibilidade nas redes
sociais e site WordPress.


4) Remuneração:
R$ 5.165,96 mensais (valor bruto).


5) Tempo de dedicação:
25h semanais, 5 dias por semana, com horários flexíveis a partir das demandas
específicas, por 12 meses.


6) Modalidade de contratação:

CLT (contrato por tempo determinado).


7) Orientações para apresentação de propostas:

Interessados e interessadas devem se manifestar até às 23h59 do dia
04/06/2021, enviando um e-mail para
secretariaexecutiva@direitosnarede.org.br, com assunto “EDITAL EXTERNO
13/2021” constando:
a) currículo vitae;
b) portfólio e/ou LinkedIn que conste trabalhos anteriores que dialoguem com os
objetivos da vaga.


8) Critérios de seleção:
Etapa 1: Análise de currículo e portfólio
a) Experiência profissional de no mínimo dois anos com comunicação na área
do terceiro setor e direitos digitais;
b) Indicar trabalho realizados nas redes sociais (portfólio ou LinkedIn)
c) Inglês intermediário;
d) Serão adotadas políticas afirmativas na seleção, contexto no qual serão
pontuados – mediante autodeclaração no CV – candidates que indicarem, em
sua candidatura, serem mulheres, negres, indígenas, LGBTQIA+, pessoa com
deficiência e/ou pessoa vivendo com HIV/AIDS. Tais informações estarão
acessíveis aos membros da comissão responsável pelo processo seletivo.
Resultado: serão selecionados até 10 candidatos para etapa 2.
Etapa 2: Atividade e entrevista
Atividade
e) Desempenho em exercício de comunicação que simulará um trabalho da CDR
na pré-entrevista;A não entrega do exercício resulta na eliminação do processo seletivo.
Entrevista
f) Clareza na comunicação e desempenho na entrevista de seleção;

* As candidaturas serão selecionadas a partir dos critérios objetivos por uma
comissão de seleção e os 10 melhores pontuados serão entrevistados. A nota
da entrevista será critério de desempate.
** As candidaturas que prestam eventuais serviços para as entidades da CDR
deverão considerar possíveis conflitos de interesse e compatibilidade de horários
para o atendimento da vaga.


9) Observações finais:
a) O resultado será divulgado até o dia 09/07/2021 e o início dos trabalhos será
imediato após a comunicação do encerramento do certame;
b) O profissional integrará uma equipe composta por um Grupo de Trabalho
específico de comunicação, que elabora diretrizes e estratégias, um profissional
coordenador de comunicação com dedicação exclusiva que acompanhará os
trabalhos cotidianamente e uma Secretaria Executiva, ao qual o profissional se
reportará do ponto de vista funcional.

Baixe o edital 13/21 em PDF

Print Friendly, PDF & Email

Newsletter

Digite seu email e inscreva-se em nossa newsletter